ENXOVAL DO BEBÊ COM APENAS 16 ITENS!

Em 2017 fiz um post sobre o enxoval minimalista que “montei” para o meu filho, que você pode conferir aqui. Como eu ganhei muitas coisas, tanto usadas quanto novas, tentei usar tudo. Também comprei e pedi algumas coisas, que logo me arrependi, que você pode conferir aqui. E levando em consideração a experiencia que tive ao longo de mais de dois anos, eu teria feito muita coisa diferente. Não teria gastado dinheiro em itens dispensáveis, e teria sim dispensado certos presentes.

Sem mais delongas, abaixo você confere a lista do enxoval bem enxuto que eu consideraria ideal:

1. Body

de sete a dez unidades

2. Calça

de sete a dez unidades

3. Macacão

de sete a dez unidades

4. Meias

Seis unidades (são facílimas de lavar, rápidas de secar, e usei também como luva nas primeiras semanas.)

5. Touca

uma só.

6. Mantas

Uma quentinha e outra leve.

7. Pano de boca

de sete a dez

8. Toalha de banho de “adulto”

duas toalhas grandes (pois foi desperdício de dinheiro comprar toalhas pequenas só para ter que trocar por maiores quando a criança cresceu)

9. Banheira

Colocava no chão do box do banheiro mesmo.

10. Sabonete líquido 2 em 1

custo x benefício. Um produto, duas utilidades.

11. Tesoura sem ponta

12. Fralda

Só usei descartável. E te aconselho a fazer um chá de fralda 😉

13. Pomada de tratamento

Se puder dispensar isso, dispense. Falei sobre isso aqui. Infelizmente eu preciso desse item. Compro uma pomada por vez.

14. Trocador portátil

Trocava em cima da cama, e levava para passeios.

15. Carrinho de passeio

Esse item usamos desde os 2 meses do meu filho até hoje. Já serviu muitas vezes de “cama” em festas e na casa de familiares.

16. Mochila

Uma mochila bem resistente e cheia de compartimentos, que até hoje eu levo para cima e para baixo (antes muito usada para a consulta ao pediatra,  hoje também usada para carregar as compras que faço no mercado 😉

 

Alguns podem achar que eu esqueci de mencionar alguns itens, mas não é esse o caso.

Ganhei mas dispensei o berço, pois fiz cama compartilhada. Peguei emprestado o bebe conforto da minha cunhada, mas só usei para deixar meu filho seguro enquanto tinha que fazer alguma coisa, não pagaria por um pois não tenho carro. Eu até fiquei tentada em listar um Sling, que com certeza é um item indispensável para muitas famílias, mas como nunca usei um não posso ter certeza se seria essencial para mim.

O legal do minimalismo é que com o tempo cada pessoa vai descobrir os seus essenciais, o que faz sentido para ela de acordo com seu estilo de vida.

Mas se eu tivesse a oportunidade de vivenciar tudo outra vez, começaria desse jeito aí. E tenho certeza de que não precisaria de muito mais do que isso ao longo do tempo.

-Mallu

12 itens que você não precisa ter no Enxoval do Bebê

Imagem relacionada

Percebi que algumas listas de “não pode faltar!” são extremamente extensas, e eu fico me perguntando qual deve ser o tamanho da casa dessas pessoas, porque com certeza com a quantidade de itens listados não daria para guardar/esconder tudo em cima do armário ou embaixo da cama.

Lembrete: O post não é uma crítica às mães que compram esses itens. Você tem todo o direito de comprar o que quiser, porém é sempre bom lembrar a diferença entre querer e precisar. E cada vez mais temos confundido o significado dessas duas palavras,  tudo culpa dessa nossa sociedade consumista. Que faz com que  blogs, sites e revistas estejam sempre tentando nos fazer crer que precisamos de algo a mais para completar e facilitar a vida com um bebê (e até sem ele). Que temos que comprar tudo para o caso de precisar um dia. Não acredite em posts que dizem que você “TEM QUE”. Na maioria das vezes você e seu bebê conseguem muito bem se virar sem o tal produto.

Então listei abaixo as coisas desnecessárias mais “normais” das pessoas acharem que precisam, mas que eu acho dispensáveis. 

 

1.Saída maternidade

Saída de Maternidade Tranças Marinho
Macacãozinho básico por apenas 159 reais (detalhe: está na promoção) Imagem:lilibee.com.br

Ô coisa cara! E serve que mesmo? Para sair da maternidade e ir para casa. ATA. Essencial eles dizem, né?

 

2.Conjunto de Malas/Bolsas maternidade

O Conjunto de Bolsas Maternidade Lollipop Cinza Hug é incrível! Essas bolsas de maternidade com listras ficam incríveis com qualquer look da mamãe, para ir à maternidade, ou nos passeios com o pequeno! Cada tamanho e formato é ideal para uma ocasião, não fique sem a sua!

Esse tipo de produto é vendido normalmente em dupla, ou trio, porém como você pode ver na imagem acima, em algum lugar do mundo uma mãe PRECISA de 5 bolsas diferentes para carregar as parafernalhas da criança (se for uma mãe de óctuplos, me desculpe, você tem todo o “direito” a esse kit rs).

Para contrariar todas as listas de enxoval que eu li, eu não comprei uma bolsa maternidade com o nome do meu filho escrito em azul (tudo bem se você comprou, cada um tem um gosto diferente, e assim a vida segue). Para a maternidade levei 2 bolsas, uma que minha mãe emprestou e outra que a própria maternidade deu (do programa Cegonha Carioca). Para o dia a dia, comprei uma mochila de “couro” marrom cheia de compartimentos. Uso a mochila desde sempre. Levo-a tanto para o pediatra, quanto para festas. Acho que combina muito mais conosco, fica bem com qualquer look (tanto meu, quanto do meu namorado). E meus ombros agradecem, já que dá para equilibrar o peso.

 

3.Kit higiene completo personalizado

Lindo kit higiene para deixar o quarto da sua bebê mais encantador!  O kit contem:  Bandeja  3potes(PMG)  Porta fraldas  Lixeira  Abajur    Kit pintado com tinta esmalte acetinado e decorado com tecido 100% algodão e renda!    Kit feito com muito carinho e dedicação para deixar o quartinho da sua...

Bonito? Sim. Extremamente necessário? Não.

4.Conjunto Manicure

Kit Manicure infantil  com Estojo. O kit manicure infantil com estojo da Baby é ideal para a mamãe cuidar das unhas delicadas do bebê. Este Kit possui pontas arredondadas que oferecem segurança e firmeza e um estojo com design moderno

O legal do kit é que você pode testar qual item você e seu bebê se dão melhor. E normalmente sai mais barato comprar em conjunto, do que se for comprar um por um. Mas se preferir apenas um item, dispense o kit, e compre apenas O item. No meu caso, comprei apenas uma tesourinha de ponta arredondada, e em dois anos não senti falta de lixa nem de cortador.

 

5.Termômetro de banheira

Termometro de banheira para seu bebê

Põem a mão ou o cotovelo na água. Se a temperatura estiver muito quente você vai saber, tenho certeza.

 

6.Aquecedor de mamadeira

Sem título.png

Por aqui não usamos mamadeira então o item foi automaticamente descartado da lista. Se seu bebê usa mamadeira e você tem medo de sair para algum lugar e não ter onde esquentá-la aqui vai uma dica: comece a oferecer na temperatura natural. Assim nunca mais vai precisar se preocupar se o liquido está quente ou frio demais.

 

7.Aquecedor de lenço umedecido

Mark Zuckerberg publica foto trocando a fralda da pequena Max

Apesar de eu achar totalmente desnecessário, parece que o criador do Facebook precisa desse item. Cada um com sua opinião né.

 

8.Talco, Colonia, Loção Hidratante

Há muitas outras maneiras de usar o talco, além do cuidado com a pele dos bebês. O produto pode facilitar a limpeza e a organização da casa. Você vai se surpreender!

Tudo isso pode ser substituído por: não usar absolutamente nada. Tem coisa mais cheirosa que a pele do próprio bebê? Eu acho que não. E muitas desses produtos nem são indicados para menores de 6 meses. Ou seja, se quiser mesmo usar isso no bebê, pode esperar para comprar quando ele puder usar.

 

9. Muitas caixas de cotonete para limpar o ouvido

Eu não me dou bem com cotonetes, sempre acabava surda por horas por ter sem querer empurrado a cera, ao invés de “puxá-la” rs. Então preferi não arriscar com meu filho. Limpo o ouvido dele depois do banho, com uma pequena parte da toalha úmida. E fica Ok! Quando estava grávida comprei um pacote de cotonetes, usei para higienizar o umbigo dele nos primeiros dias de vida. Depois usamos para limpar qualquer coisa, principalmente partes pequenas de produtos eletrônicos. Mas quando o pacote acabou não compramos outro. Menos um item para se preocupar, não é mesmo?

 

10.Sapatos para bebês que nem começaram a tentar andar

Pode até ser a coisa mais fofa do mundo, mas não deixa de ser desnecessário. Meu filho só vivia de meia em casa, no pediatra, no shopping, mercado. Quando fazia calor, eu o deixava descalço mesmo. Longe de mim comprar sapato só pra enfeitar. Pior ainda é calçar o pé do bebê com um sapato super desconfortável só para as pessoas não acharem feio. Juro que tem gente que pensa isso.

 

11.Almofada de amamentação

Almofada de Amamentação

Facilmente substituível por um travesseiro bomzão. E o melhor é que você nem vai precisar se desfazer dele quando seu bebê crescer.

E por último, mas não menos importante:

12.Pomada de prevenção de assaduras

Na hora de trocar a fralda do bebê, tenha tudo o que vai precisar perto de você (Foto: Thinkstock)

imagem:Thinkstock

Você não precisa de um estoque das mais variadas marcas, cheiros e texturas desse item.

Diferente do que a maioria pensa, o hábito de usar pomada de prevenção em toda troca de fralda pode prejudicar a pele do bebê e deixá-la sensível ao invés de protegê-la. Para prevenir assaduras o melhor é realizar uma boa higiene durante a troca: água morna filtrada e algodão, e depois secar bem a região.

Use pomada APENAS se o bebê estiver com assaduras, e use apenas a pomada indicada pelo pediatra ou dermatologista da criança, que provavelmente será uma de TRATAMENTO, e não prevenção.

PS:Nos dias quentes eu ponho um pouco de amido de milho na fralda do meu filho, já que ele é um bebê muito calorento e tem alergia ao calor/suor. E tenho sempre um tubo da pomada de tratamento que a pediatra dele indicou, por precaução, mas raramente usamos.

~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

Bom, esses são os 12 itens que eu acho dispensáveis para o enxoval de um bebê. Você acrescentaria mais algum item? Ou manteria algo na lista?

-Mallu

 

 

Dicas para economizar no enxoval do bebê!

11350143ae3c37fd73a034304c86f1c4

Eu li muito sobre listas e dicas de enxoval. Vi vídeos sobre o que realmente era necessário e o que era supérfluo. E montei minha própria lista, bem pequena para ser honesta.

Não vou dizer que custa barato ter um filho. Você vai precisar comprar alguns pacotes de fralda todo mês (quando acabar as do chá de fraldas). A criança cresce muito rápido e perde muita roupa. Mas se você parar para pensar um pouco, você também pode economizar bastante (se essa realmente for sua intenção).

Faça uma lista.

Na internet  o que não falta é listas de enxoval. Imprima ou copie algumas delas, e marque quais itens você acha que seriam uma “mão na roda”, e quais são dispensáveis.

Ao longo dos meses você terá lido muito e assistido vídeos sobre enxoval, eu garanto. E com certeza terá sua própria opinião sobre o que ainda gostaria de adquirir, e no que poderá poupar seu tempo e dinheiro.

 

Faça um orçamento

Quanto você gostaria de ter de dinheiro disponível para o enxoval? Já parou para pensar no assunto? Se a resposta for não, pense um pouco. E comece a pensar na possibilidade de começar a guardar esse dinheiro.

Faça uma poupança ou cofrinho dedicado exclusivamente ao enxoval do bebê. É bem melhor economizar ao longo dos meses sabendo que no final você terá uma quantia específica te aguardando , que sair comprando tudo sem nem saber quanto você está gastando (e acabar extrapolando o orçamento).

Então, acabou de descobrir sobre a gravidez? Não compre nada. Porque é muito provável que você comece a comprar mais por impulso, que realmente por necessidade. Tenha paciência, e guarde dinheiro!.

 

Pesquise muito

Depois de fazer a sua própria lista você terá uma base. Então comece por aí. Pesquise muito, em lojas físicas e virtuais, leia resenhas e assista vídeos sobre os itens que você deseja ter no enxoval do seu bebê. E não esqueça de anotar ou favoritar os anúncios mais chamativos e baratos, para que você possa fazer comparações.

 

Teste antes de comprar

Sempre que eu quero muito comprar algo, primeiro pesquiso os preços na internet, depois vou a uma loja física para ver o item com meus próprios olhos. Sempre peça para testar o produto! Pois imagens ilustrativas podem enganar bastante.
Quando compramos pela internet não temos a opção “testar antes de comprar”, mas podemos desistir da compra em até 7 dias após a compra ou entrega do produto. Algumas lojas tornam esse processo mais complicado que outras. Por isso eu sempre tento achar o produto em alguma loja física, para ter certeza que é aquilo que eu quero. E se o menor preço for pelo site, eu compro pelo site.

 

Aceite ajuda

Ganhar um presente é bom, mas ganhar algo para o enxoval do bebê é melhor ainda! E se você conhece alguém próximo que teve um bebê a pouco tempo, que mal tem em perguntar se a pessoa vai guardar as roupinhas? Se a pessoa não for guardar, você pode pedir para guardar para o seu bebê. Isso se você não ver problema em seu filho usar roupa semi nova/usada. Eu não vejo problema.

 

Aproveite o chá de bebê/fralda

Primeiro você tem que decidir se vai guardar o dinheiro ou fazer um chá. E se decidir fazer uma comemoração, opte por uma básica. Porque se for para gastar muito, não vale tanto assim.

 

Compre apenas essencial (e o que falta)

Se você conseguir, deixe para comprar as coisas mais para frente. Pois ao longo dá gestação é provável que seu bebê ganhe presentes, e algumas pessoas te ofereçam ajuda em algo. Se seu bebê tiver de quem herdar roupas, por exemplo, você nem precisa se preocupar tão cedo com isso.

E se você optar por fazer um chá de bebê, é provável que ganhe muito mais coisas.

Só então você terá uma noção do que ainda falta. Sabe a lista? Leve-a para todos os lugares! E sempre que ganhar/comprar algo novo, risque o produto da lista.

Se você se basear nas listas de enxoval da internet, gastará muito mais que o necessário. Então pense muito mesmo no que você tem certeza que lhe será útil.

E você não precisa comprar tudo agora. Você pode esperar para comprar quando (e se) precisar. Por isso é sempre bom ter um dinheirinho guardado para essas coisas.

 

Enxoval do Bebê: Comprei e não usei

  • Berço Mini Cama
18982-22244-berco-mini-cama-art-in-moveis-docinho-be3032

Imagem ilustrativa do modelo do berço do meu bebê

Nós não compramos o berço, ganhamos de presente da minha sogra. Achamos que seria um item essencial, mas acabamos jogando-o para escanteio. Na primeira semana pós parto colocamos o berço com uma das grades abertas ao lado da nossa cama, porém alguns dias depois decidimos compartilhar a cama com nosso bebê. Então desmontamos o berço, e guardamos no baú da nossa cama.

Mas não me arrependo de tê-lo adquirido. Pois apesar de não tê-lo usado muito, o berço vira uma mini cama, e em um futuro próximo estaremos montando-o novamente para enfim ter alguma utilidade.

  • Canguru
Modelo: Canguru Mochila para Bebê 2 em 1 Love 4001-1 - Cinza/Chumbo

Imagem ilustrativa do modelo do meu canguru.

O Canguru (ou o Sling, o que você preferir) é um item que só vai trazer praticidade para a sua vida. Se você precisa fazer muitas saídas rápidas com seu bebê (como ir ao mercado, ou a padaria) é um ótimo investimento. E eu digo investimento porque modelos mais estruturados e confortáveis como este são um pouco mais (alguns muito mais) caros que os modelos feitos de jeans, por exemplo.

Mas para mim, exclusivamente, não compensou. Usei algumas vezes, sim. Meu marido também usou (muito mais vezes que eu, na verdade). Mas como fazemos compras juntos, usar o carrinho de passeio acaba sendo bem mais prático, e conseguimos colocar as compras na cesta do próprio carrinho.

Eu pensei que eu precisaria do Canguru, mas não foi essencial para mim. Por enquanto não tenho necessidade de sair sozinha com meu bebê, por isso não tenho necessidade de usar o Canguru.

  • Mosquiteiro para Berço
imagem: http://www.essencialenxovais.com.br

Imagem ilustrativa do modelo do meu mosquiteiro

Meu bebê já estava a caminho e o berço dele não tinha um mosquiteiro, que pessoa horrível eu era! rs

Ganhamos o mosquiteiro de presente da minha mãe, e até hoje ele está na embalagem. Como desmontamos o berço do bebê não há motivos para usar o mosquiteiro. Outro produto sem utilidade para nós. Talvez quando montarmos a mini cama, possamos utilizá-lo pela primeira vez.

  • Mamadeira
1312301823_1

Imagem ilustrativa (via: limarababy.com.br)

Comprei uma mamadeira azul média para meu bebê beber suco de laranja (depois li que o ideal era dar a própria laranja para ele chupar, pois o suco, apesar de natural, possui o açúcar próprio (frutose) e o excesso pode sobrecarregar o pâncreas). Então deixei a mamadeira para oferecer água (somente após o 6º mês). Depois li alguns artigos em que especialistas explicam que o ideal é oferecer qualquer tipo de líquido para o bebê no copinho.

De qualquer forma, o bico da mamadeira que comprei era grande demais, e meu bebê a rejeitou.

Ele bebe qualquer líquido em copos de treinamento com bicos rígidos (ou em copos de vidro com meu auxílio). Os dois que comprei (um deles eu deixo na casa da minha mãe) custaram menos de R$10,00.

editado:

  • Travesseiro/ Travesseiro anti-refluxoComprar Travesseiro Anti-Refluxo para Berço com entrega rápida e segura. Conheça a nossa loja.

Ganhei da minha avó, mas não usamos.

 

♦Estes são os itens que eu achei serem necessários para o meu bebê, mas acabei não usando. Porém não me arrependo das compras, nem dos presentes, pois somente com meus erros que eu aprendi a prestar mais atenção às coisas que necessitamos de verdade. E comecei a pesquisar muito mais antes de me lamentar por não ter tal item, ou de fazer qualquer compra impulsiva.

E você, já comprou algo porque achou que precisava e acabou não usando?

Enxoval Minimalista para o bebê

images

Montar um enxoval de bebê é sempre complicado, principalmente para uma mãe de primeira viagem. “O que comprar?Quando comprar? O quanto comprar?”. São dúvidas e dúvidas. E a gente começa a pesquisar em tudo que é site.

Eu ganhei a maioria das coisas, mesmo assim gastei alguns dinheirinhos em certos produtos. Felizmente, pesquisei bastante desde o começo da gestação, e tenho economizado bastante comprando coisas mais simples e básicas, invés daqueles produtos mais pomposos. Sorte a minha que nunca liguei pra marcas caras, nem pra coisas com muito “frufru”.

Não dá muito para falar em um número exato de roupas, pois depende muito da região onde você mora (frio ou quente), e quantas vezes por semana você poderá lavar as roupas.

Aqui no Rio de Janeiro, por exemplo, faz muito calor. As primeiras roupinhas do meu bebê foram herdadas do filho da minha cunhada, e foram muitas. Mas se eu tivesse que ter comprado, 7 (no máximo 10) de cada peça já seria suficiente. Um para cada dia da semana, só para garantir.

PS:As peças são tão pequenas que dá pra lavar e secar rapidinho, por isso não tem problema de ter poucas.

A lista e as anotações abaixo são sobre o que eu achei necessário para o meu filho, e o que realmente acho que vale a pena comprar. Não necessariamente será o essencial para você.

1. Roupas

10 bodies (editado: 2018)

7 calças (sem pé, ou pé reversível)

7 macacões

6 meias (as meias duram mais tempo, pois mesmo com os pezinhos crescendo, elas esticam bem)

3 luvas (eu usava meia como luva também)

2 toucas

PS:Bebês perdem roupa muito rápido, então aos 3 meses provavelmente você já terá que comprar roupas maiores. Agora com 7 meses, meu bebê usa mais camisetas e shortinhos. Ele tem 8 blusas e 6 shorts. Porém nesse calor, em casa deixo ele apenas de fralda. E as vezes ele sai só com o short mesmo.

2. Cama e banho

4 cueiros (serve para forrar algum lugar, cobrir, e as vezes secar)

2 mantas

Toalhas fralda (comprei um pacote com 15 unidades. Até o 5° mês usei como pano de boca, e usei muuuito. Agora uso para secar também)

3 lençóis com elástico 

Não usei travesseiro.

2 toalhas com capuz

3. Quarto

1 berço (que agora está dentro do baú dá minha cama, pois o bebê está dormindo conosco)

1 colchão (já veio com o protetor de colchão)

1 cômoda de 6 gavetas 

1 mini abajur de tomada (uso até hoje, não gosto de dormir na escuridão total)

O mosquiteiro ganhei da minha mãe, achei que era super necessário, mas não usei até hoje (até porque desmontei o berço).

Amamento em qualquer lugar. Nos primeiros meses usava um travesseiro como apoio.

4. Higiene

1 trocador portátil (prefiro troca-lo em cima da cama)

1 sabonete da cabeça aos pés (não passo sabonete em todos os banhos)

Algodão

Lenço umedecido 

1 pote de cotonete

Pomada prevenção de assaduras (Hipoglós)

Pomada tratamento de assaduras (Nistatina+Óxido de Zinco. Use somente com a orientação do pediatra)

Banheira 

Termômetro digital (fica nessa categoria??)

Tesoura com ponta redonda

Escova de cabelo

Fralda descartável (ganhei no chá de fraldas, e vou comprando de acordo com a necessidade)

Lixeira (uso a que eu já tinha)

Sabão líquido de coco (usei nos primeiros meses, agora lavo as coisas dele junto com as nossas com sabão normal)

5. Alimentação

Cadeira de alimentação portátil (comprei num grupo de desapego do meu bairro, por R$ 100,00)

1 prato

1 colher

1 copinho 

3 babadores

6. Lazer

Carrinho de passeio

Cercado

Tapete Eva

Centro de atividades play gym