Enxoval do Bebê: Comprei e não usei

  • Berço Mini Cama
18982-22244-berco-mini-cama-art-in-moveis-docinho-be3032

Imagem ilustrativa do modelo do berço do meu bebê

Nós não compramos o berço, ganhamos de presente da minha sogra. Achamos que seria um item essencial, mas acabamos jogando-o para escanteio. Na primeira semana pós parto colocamos o berço com uma das grades abertas ao lado da nossa cama, porém alguns dias depois decidimos compartilhar a cama com nosso bebê. Então desmontamos o berço, e guardamos no baú da nossa cama.

Mas não me arrependo de tê-lo adquirido. Pois apesar de não tê-lo usado muito, o berço vira uma mini cama, e em um futuro próximo estaremos montando-o novamente para enfim ter alguma utilidade.

  • Canguru
Modelo: Canguru Mochila para Bebê 2 em 1 Love 4001-1 - Cinza/Chumbo

Imagem ilustrativa do modelo do meu canguru.

O Canguru (ou o Sling, o que você preferir) é um item que só vai trazer praticidade para a sua vida. Se você precisa fazer muitas saídas rápidas com seu bebê (como ir ao mercado, ou a padaria) é um ótimo investimento. E eu digo investimento porque modelos mais estruturados e confortáveis como este são um pouco mais (alguns muito mais) caros que os modelos feitos de jeans, por exemplo.

Mas para mim, exclusivamente, não compensou. Usei algumas vezes, sim. Meu marido também usou (muito mais vezes que eu, na verdade). Mas como fazemos compras juntos, usar o carrinho de passeio acaba sendo bem mais prático, e conseguimos colocar as compras na cesta do próprio carrinho.

Eu pensei que eu precisaria do Canguru, mas não foi essencial para mim. Por enquanto não tenho necessidade de sair sozinha com meu bebê, por isso não tenho necessidade de usar o Canguru.

  • Mosquiteiro para Berço
imagem: http://www.essencialenxovais.com.br

Imagem ilustrativa do modelo do meu mosquiteiro

Meu bebê já estava a caminho e o berço dele não tinha um mosquiteiro, que pessoa horrível eu era! rs

Ganhamos o mosquiteiro de presente da minha mãe, e até hoje ele está na embalagem. Como desmontamos o berço do bebê não há motivos para usar o mosquiteiro. Outro produto sem utilidade para nós. Talvez quando montarmos a mini cama, possamos utilizá-lo pela primeira vez.

  • Mamadeira
1312301823_1

Imagem ilustrativa (via: limarababy.com.br)

Comprei uma mamadeira azul média para meu bebê beber suco de laranja (depois li que o ideal era dar a própria laranja para ele chupar, pois o suco, apesar de natural, possui o açúcar próprio (frutose) e o excesso pode sobrecarregar o pâncreas). Então deixei a mamadeira para oferecer água (somente após o 6º mês). Depois li alguns artigos em que especialistas explicam que o ideal é oferecer qualquer tipo de líquido para o bebê no copinho.

De qualquer forma, o bico da mamadeira que comprei era grande demais, e meu bebê a rejeitou.

Ele bebe qualquer líquido em copos de treinamento com bicos rígidos (ou em copos de vidro com meu auxílio). Os dois que comprei (um deles eu deixo na casa da minha mãe) custaram menos de R$10,00.

editado:

  • Travesseiro/ Travesseiro anti-refluxoComprar Travesseiro Anti-Refluxo para Berço com entrega rápida e segura. Conheça a nossa loja.

Ganhei da minha avó, mas não usamos.

 

♦Estes são os itens que eu achei serem necessários para o meu bebê, mas acabei não usando. Porém não me arrependo das compras, nem dos presentes, pois somente com meus erros que eu aprendi a prestar mais atenção às coisas que necessitamos de verdade. E comecei a pesquisar muito mais antes de me lamentar por não ter tal item, ou de fazer qualquer compra impulsiva.

E você, já comprou algo porque achou que precisava e acabou não usando?

4 comentários sobre “Enxoval do Bebê: Comprei e não usei

  1. meuserumaninhoblog disse:

    Vamos lá: protetor de berço inclusive com mosqueteiro,rsrsrs. Usei muito pouco,depois eu tirei porque comecei a ter medo de minha filha sufocar. Ela dormiu muito com a gente na cama,mas com uns três meses passou para o berço de vez. Mas o protetor eu já havia arrancado. Saída Maternidade,foi a coisa mais inútil e cara que já comprei na vida. kkkk. Minha filha precisou ficar internada uns dia quando nasceu e quando ela teve alta coloquei qualquer roupa,eu só queria sair dali com ela bem. Kit Higiene,este eu não comprei,mas ganhei. Na verdade nem sei bem pra que serve direito.kkk; Hoje ele até me serve porque coloco umas bugingangas da Helena lá,mas se tivesse comprado teria arrependido com certeza. O meu é daqueles de madeira e foi personalizado com nome dela. Um mimo mas inútil. Sapatos,muitos! Bebês não usam sapatos,eles passam o tempo todo de meia!!! Muitos macacões que perderam rápido e alguns ela usou uma vez só e ficou pequeno. Mala maternidade,ganhei também mas usei muito pouco,principalmente uma que era enorme!Se tiver outro filho vou levar as roupas na mochila mesmo,muito mais prático. Acho que é só!!! kkkk

    Curtir

    • Mallu disse:

      Eu li muito na gravidez sobre o que comprar e o que não comprar, mesmo assim é só depois que vemos o que serve realmente.
      Dispensei muitos itens que os sites de maternidade diziam ser essenciais, decidi pagar para ver. A minha sorte foi que ganhei a maioria das coisas. E outras fui comprando por necessidade.
      O canguru eu consegui vender essa semana, por muito menos da metade do preço que paguei. Já o mosquiteiro ainda está guardado, mas se eu não conseguir vender, terei que doar. Não gosto de acumular coisas, por isso mesmo que deixei para comprar muitas coisas só depois do nascimento do bebê.
      Quando é presente a gente até que não se doí tanto, mas quando pagamos e não usamos…
      Agora eu penso muito antes de comprar qualquer coisa.
      Também não comprei mala nem bolsa maternidade, levo tudo em uma mochila cheia de compartimentos mesmo!

      Um beijo. E que estejamos sempre atentas para não gastar dinheiro em itens que não iremos usar!

      Curtido por 1 pessoa

      • meuserumaninhoblog disse:

        Agora eu acredito que estou bem mais consciente, mas mãe de primeira viagem costuma cometer alguns equívocos de consumo mesmo,mas a gente aprende com a experiência,rsrsrs. O pior de tudo é colocarem na nossa cabeça que o bebê precisa de muito mais coisa do que ele realmente necessita. É uma grande indústria por traz disto infelizmente. Beijo!

        Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s